Notícias do Brasil

  • centrobrasilnoclima

‘Emprego verde’ faz Paquistão combater o aquecimento global em meio a pandemia do COVID-19




Desde o fechamento do Paquistão, em 23 de março, para tentar conter a disseminação do COVID-19, os diaristas desempregados do país puderam ver uma saída para o seu sustento familiar no programa 10 bilhões de árvores, sendo conhecidos como ‘trabalhadores da selva’. Propagando o “estímulo verde” o país exemplificou como os fundos ambientais podem ajudar a população e manter a economia circulando, ao longo de uma retenção pandêmica, preparando concomitantemente a sociedade a se organizarem para uma crise maior: o aquecimento global.


Em entrevista ao Thomson Reuters Foundation, o trabalhador da construção civil, Abdul Rahman perdeu o emprego devido ao isolamento social causado pelo coronavírus no Paquistão, disse que depois da reabertura do projeto "Todos nós agora temos uma maneira de ganhar salários diários novamente para alimentar nossas famílias". Agora, Rahman ganhar 500 rúpias (US$ 3) por dia plantando árvores.


Esse “estímulo verde” faz parte de um arrojado programa de cinco anos de plantio de 10 bilhões de árvores, difundido pelo primeiro-ministro Imran Khan em 2018, com o objetivo de combater as condições climáticas extremas no país associada às mudanças climáticas.

Quando a pandemia de coronavírus atingiu o Paquistão, a campanha dos 10 bilhões de árvores foi paralisada como parte do distanciamento social adotado para prorrogar o contágio do novo vírus, que já contaminou mais de 13.900 pessoas no Paquistão, de acordo com a última análise da Reuters. Buscando uma saída para a alta crise de desemprego, no início do mês de abril, o primeiro-ministro autorizou a ação que libera a agência florestal voltasse com o programa gerando 63.600 empregos.


Com a extensão do programa, Malik Amin Aslam, consultor de mudanças climáticas do primeiro-ministro disse ao Thomson Reuters Foundation que a ação pode empregar o triplo dos números de trabalhadores.


*Fonte: Thomson Reuters Foundation

5 visualizações
Centro Brasil No Clima

​Av. Marechal Câmara, 160 / sala 418
Rio de Janeiro - RJ - Brasil - CEP 20020-080

E-mail:
contato@centrobrasilnoclima.org
cbc@centrobrasilnoclima.org

Telefones: +55 21 2262-1202 / +55 21 2210-7102

Fique por dentro das notícias do CBC