Notícias do Brasil

  • centrobrasilnoclima

Fórum Alagoano de Mudanças Climáticas constrói pareceria com o CBC



O Fórum Alagoano de Mudanças Climáticas realizou hoje, 4, a sua segunda reunião ordinária, com a presença de 28 representantes de diversas instituições dentre elas, o superintendente de mudanças climáticas da Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMARH) , Ricardo Freitas, o Secretário Geral da Comissão de Meio Ambiente e Urbanismo, Marcelo Ribeiro, e Fabiana Couto, analista técnica da SEMARH e interlocutora na parceria com o CBC. A reunião teve a participação do CBC, representado pelo diretor executivo, Alfredo Sirkis, o consultor em políticas de inovação e sustentabilidade, Sérgio Xavier, e os coordenadores de projetos, Guilherme Lima e Marília Closs.


O evento foi o ponta pé inicial da parceria com o Centro Brasil no Clima, com o objetivo de fortalecer a atuação do Fórum através da criação de uma câmara técnica de inovação e o desenvolvimento dos indicadores de MRV (Monitoring, Report and Verification) em nível subnacional e setorial. Ricardo Freitas, superintendente de mudanças climáticas na SEMARH, ressaltou a importância da parceria com o CBC para capacitar agentes do Estado para a elaboração de projetos que atraiam investimentos financeiros de recursos internacionais para o desenvolvimento de Alagoas. Marçal Cavalcanti, presidente da Associação Nacional de Órgãos Municipais de Meio Ambiente (ANAMA), celebrou o avanço das atividades do Fórum e reforçou que a SEMARH tem sido uma grande parceira das secretarias municipais.


Em uma apresentação destacada, Alfredo Sirkis pontuou que Alagoas não está entre os Estados que mais emitem Gases de Efeito Estufa (GEE), mas está na rota das áreas que mais sofrerão os efeitos das mudanças do clima. Para Sirkis, a economia sustentável, como o álcool e o biocombustível são iniciativas que precisam ser mais estimuladas, e reforçou que o Fórum deve se propor a discutir e encontrar as melhores alternativas para o desenvolvimento do estado. Nesse sentido, Sérgio Xavier, destacou que Alagoas tem potencial para se tornar carbono neutro até 2030.


Guilherme Lima, fez a apresentação do Centro Brasil no Clima, abordando dois projetos a serem desenvolvidos em parceria com o Fórum: ICAT e SPIPA. No primeiro projeto, Guilherme delineou sobre o que é o projeto, a parceria com a Coppe/UFRJ e a importância de elaborar os indicadores de MRV no estado. Já no segundo, foi apresentado a vertente mais política da parceria, envolvendo um esforço conjunto para desenvolver a câmara técnica de inovação para o desenvolvimento econômico de Alagoas através de uma economia de baixo carbono.


Após a reunião, a coordenadora, Marília Closs, fez uma avaliação do evento: “A reunião foi ótima. O Fórum foi criado ano passado, mas ainda não foi institucionalizado (falta o decreto)”. E continua, “hoje avançamos nos debates sobre as câmaras técnicas, arranjos institucionais importantes.”

69 visualizações1 comentário
Centro Brasil No Clima

​Av. Marechal Câmara, 160 / sala 418
Rio de Janeiro - RJ - Brasil - CEP 20020-080

E-mail:
contato@centrobrasilnoclima.org
cbc@centrobrasilnoclima.org

Telefones: +55 21 2262-1202 / +55 21 2210-7102

Fique por dentro das notícias do CBC